COMEÇA NESTA SEXTA 10 E 11 DE OUTUBRO

Cartaz_umabraçonegro IMPRENSA UNIVERSITARIA-01!

VENHAM CURTIR COM A GENTE O ALMOÇO DE INTEGRAÇÃO DA COMUNIDADE UNIVERSITÁRIA!!!

1352561518752
Cantora Roberta Lira – Acadêmica de Artes Cênicas

7ª Edição do” Um Abraço Negro”

O Coletivo Kurima – Estudantes Negros e Negras da UFSC – retorna com “Um Abraço Negro”, 7ª edição, nesta sexta e sábado, 10 e 11 de outubro, no campus de Florianópolis da UFSC.

10/10 – 12h – Roda de conversa – Tema: Consciência Negra e Música
Local: Centro de Ciências Físicas e Matemáticas (CFM) – prédio redondo, sala 403, próximo ao Centro de Comunicação e Expressão (CCE)
11/10 – 11h – Almoço de integração com a comunidade universitária com feijoada tradicional afro-brasileira e vegetariana no Restaurante Universitário. Apresentações Artístico-Culturais: Roberta Lira, Grupo Samba 7 e convidados.

4 ª edição de um abraço  negro  (5)
Grupo Samba 7 – Mestres do Samba de Raíz

Um pouco mais sobre o projeto “Um Abraço Negro”

O Coletivo Kurima – Estudantes Negros e Negras da UFSC realiza “Um Abraço Negro” na UFSC, em diferentes meses do ano. O formato novo está dividido em dois dias, com exibição de curtas e roda de conversa na sexta-feira, sobre a temática negra. No sábado almoço com culinária tradicional de matriz africana, feijoada afro-brasileira e vegetariana, com som feito por Djs e show com o Grupo Samba 7, a cantora Roberta Lira e convidados. O evento é bastante esperado pela comunidade universitária.

1176308_378403998954581_1008188201_n
Acadêmicos da UFSC

Em sua 7ª edição, “Um Abraço Negro” já contou com a participação de mais de 7 mil pessoas. Por seu caráter bastante especial, o evento vinha sendo bastante solicitado, lotando as antigas caixinhas de sugestões do Restaurante Universitário. Agora sob novo formato, em dois dias é esperado um público ainda mais diverso.
Relembrando a história e servindo a todos uma das antigas “comidas de senzala”, transformada na tradicional feijoada com samba, geralmente realizadas aos sábados, nas mais diferentes localidades do país, sendo este um momento de encontro agradável, proposta do projeto.

SAM_0433
Acadêmico da UFSC

Assim, preservando a memória das antigas confraternizações de diversos povos africanos e de seus descendentes nas senzalas, que eram transformadas em zonas de integração das diferentes representações africanas ali encarceradas, juntas; mesmo sofrendo os mais atrozes tratamentos, repassaram, misturam, transformaram culturas e que hoje dão origens às diferentes tradições, manifestações culturais e artísticas afro-brasileiras.

1174621_378402252288089_1296960533_n
Mariah de Lima – Estudante do Colégio de Aplicação

Preservar esta memória e repassar este costume de integrar-se, é uma das formas de repassar a força e o poder que existe nestas culturas. Um refúgio à ancestralidade, ao culto às tradições da arrancada mãe África; este é o momento de estar no lar.

529163_378404048954576_1634501208_n
Profº de Dança Dezão – Acadêmico da Psicologia

Um evento que abre espaço para a cultura e a arte negra na Universidade, fortalecendo a memória, o resgate, a valorização artístico-cultural de matriz africana, com destaque para o Samba de Raiz, trazendo a importância das reflexões sobre os temas referentes às questões da população negra de forma mais próximas, leves, significativas, importantes para o processo de transformação positivo das relações etnicorraciais.

DSC00850
Exibição do Curta: “O Grande Desafio”- Acadêmicos e comunidade externa

Roberta Lira
Coodenação dos projetos de Arte do Coletivo Kurima – Estudantes Nergos e Negras da UFSC
Membra da Comissão Fundadora do Coletivo Kurima

DIVULGUEM, COMPARTILHEM!!

Anúncios